29ago/120

CLDF pode liberar faixas exclusivas de ônibus para veículos com mais de três ocupantes

A Câmara Legislativa do DF analisa oProjeto de Lei 1020/2012 que pretende autorizar o uso das faixas exclusivaspara tráfego de ônibus no DF para carros de passeio que transportem mais detrês passageiros. A proposta, de autoria do deputado Cristiano Araújo (PTB),baseia-se no modelo internacionalmente conhecido como "High OccupancyVehicle Lanes - HOV Lanes" (Faixas de Veículos de Alta Ocupação), jáadotado em países como Canadá, Estados Unidos e Reino Unido.

Na verdade, a polêmica iniciativaem análise pelos distritais pretende propiciar meios para que os motoristasadotem entre si a chamada "carona solidária", o que poderá reduzir aquantidade de veículos nas ruas, aliviando o cada vez mais complicado tráfegono DF.

A implantação das faixasexclusiva para ônibus, embora bem intencionada, representou um significativoaumento nos congestionamentos nos horários de pico. Por outro lado, segundo Cristiano,o órgão equivalente ao Ministério dos Transportes da Província de Ontário, noCanadá,  tem estudos que demonstram que asfaixas de veículos de alta ocupação beneficiam a população ao reduzir o tempodas viagens, permitem a economia de recursos financeiros, diminuem a emissão degases pelos veículos, além de minimizar o estresse dos motoristas. “Tenhocerteza que aliviará o trânsito e ajudará os motoristas”, afirma o autor.

Sem a licitação do transportepúblico do DF pronta e sem a finalização de obras como o veículos leves sobrePneus (VLP) e sobre Trilhos (VLT), a iniciativa pode ajudar a desabarrotar otráfego em vias como EPTG, W3 Sul e EPNB. “Acredito que essa medida vai ampliaro benefício das faixas exclusivas também aos usuários de automóveis”, explica Cristiano.

fonte: Ascom Cristiano Araújo