18ago/120

Lacerda diz não usará Lula e Dilma na campanha à prefeitura de BH

 

 Marcio Lacerda (PSB) e Délio Malheiros (PV) se encontraram na manhã deste sábado com os candidatos a vereador da coligação "BH Segue em Frente", acompanhados do governador Antonio Anastasia, do senador Aécio Neves e do vice-governador Alberto Pinto Coelho, no ginásio do Círculo Militar, em Belo Horizonte. Durante o encontro, o prefeito de Belo Horizonte e candidato à reeleição, Marcio Lacerda, anunciou que não vai usar a presidente Dilma e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em propagandas eleitorais de rádio e televisão durante a campanha.

Em discurso, Marcio afirmou que "a cidade precisa de um líder com capacidade para reunir os melhores quadros e angariar apoios de todos os setores para realizar projetos, captar recursos e atingir metas sociais que beneficiem toda a população". O prefeito de BH disse ainda que é preciso discutir os problemas da cidade, prometendo que o anúncio do metrô sairá nos próximos dias, junto com o governo de Minas. “Se vocês tem um time de futebol que está ganhando, na liderança do campeonato, é importante continuar com o trabalho que está sendo feito para esse sucesso. Me considero o técnico de um time que trabalha muito bem e conquista vitórias para este time que é Belo Horizonte. Será que os torcedores vão querer mudanças?”, destaca.

Ontem, em caminhada pela Região Leste de BH, o prefeito de BH não confirmou que as imagens em que Dilma faz vários elogios a sua gestão serão utilizadas nas propagandas veiculadas no rádio e na televisão a partir da semana que vem. “A nossa campanha eleitoral vai se fixar no bom clima que a cidade está vivendo, no bom momento, de esperança e fé em um futuro melhor. Queremos mostrar a figura central da campanha, que é o prefeito disputando a reeleição, e o prefeito tem muita coisa para mostrar”, esquivou-se...

Durante o encontro, na manhã deste sábado, o senador Aécio Neves (PSDB) falou sobre a participação de Lula e Dilma na campanha. “Eu pessoalmente acho desnecessário usar imagens de Lula e Dilma, até porque a população de BH, assim como a presidente Dilma e o ex-presidente Lula, sabe que Marcio é um extraordinário prefeito. A dificuldade não está no nosso campo, mas no deles, que até pouco dias atrás consideravam ele o melhor prefeito do Brasil e agora, para atender outros interesses, de uma hora para outra acham que ele é o pior prefeito do Brasil”

O senador explicou ainda sobre o apoio à Lacerda. “A candidatura do Marcio não foi feita por meio de intervenções, não foi feita por pessoas que não conhecem Minas. Ela tem um objetivo de que Belo Horizonte continue avançando, melhorando a educação, segurança e com obras viárias por toda a cidade. Não podemos admitir que para atender a vaidade de pessoas estranhas a Minas, nós interrompamos tudo de bom que está acontecendo. Estou com Marcio pela coerência. A outra candidatura só interessa a pessoas distantes”, ressalta o senador. 

Aécio ainda criticou o ex-ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome e candidato do PT à prefeitura da capital mineira, Patrus Ananias. Durante o encontro, o senador tucano citou problemas na gestão de Patrus, enquanto ministro. “Ele disse que transferiu R$ 4 bilhões para Minas Gerais quando era ministro, mas qualquer que fosse o ministro, fosse outro petista, como Delúbio Soares, ou José Dirceu, os recursos também viriam. Isso porque está na lei, ele cumpriu a lei, da mesma forma que recursos foram para o Rio de Janeiro e São Paulo", revela.

Aécio disse ainda que lamenta que o enquanto ministro, Patrus tenha deixado de pagar a merenda do programa Segundo Tempo. "Era um programa que formava jovens em todo o interior. Com isso o programa foi interrompido em Minas e depois, o PCdoB, isso já no governo Dilma, assumiu o programa via ONGs e foram vários escândalos de corrupçaõ que acabaram derrubando o ministro (Orlando Silva). Infelizmente a parceria que existiu com o estado foi interrompida, apesar das várias ligações que fiz para ele, o repasse ao ministério foi interrompido para o estado. Esse é o fato mais marcante que me lembro da presença de Patrus no ministério”.

O governador de Minas, Antonio Anastasia, ressaltou a parceria entre os 19 partidos que apoiam Marcio Lacerda e declarou apoio ao prefeito de BH. O governador de Minas pediu votos para o que considera ter o melhor projeto da cidade. "Há quatro anos, ele foi eleito com um compromisso de seriedade e buscando um bom projeto para BH e cumpriu o que foi prometido trazendo bons resultados para a cidade? Os indicadores são excepcionais na educação pública, mostrando um grande avanço nesta área. Houve também muito sucesso na áreas da saúde, na geração de emprego e melhorias na infraestrutura. Deixa o Marcio trabalhar”. Informações do EM.