31maio/120

Polícia do Distrito Federal prende 398 pessoas em quatro dias

Entre os crimes cometidos estão tráfico de drogas, homicídio e estupro. Mais de 6,4 mil pessoas são procuradas, indica delegada.

 Do G1 DF
 
 A Polícia Civil do Distrito Federal informou, na manhã desta quinta-feira (31), que prendeu 398 pessoas entre o dia 28 e 31 de maio, pelos crimes de tráfico de drogas, homicídio, roubo e estupro.

As prisões são resultado da operação Alvorada, que contou com 204 mandados de prisão. Desses, 168 foram cumpridos. As outras 230 prisões foram realizadas em flagrante, durante a operação.

Algumas das pessoas presas pela polícia do Distrito Federal. No total, foram 398 desde o começo deste ano. (Foto: Patrícia Alencar/G1)

Algumas das pessoas presas pela polícia do Distrito Federal na operação Alvorada. No total, foram 398 desde o dia 28 de maio. (Foto: Patrícia Alencar/G1)

O maior número de prisões, 73, ocorreu na Área Integrada de Segurança (AIS) Oeste, que corresponde as regiões administrativas  de Ceilândia, Taguatinga e Samambaia, informa a PCDF.

Na semana passada, durante cinco dias, a Delegacia da Criança e do Adolescentes (DCA) realizaram a operação Ícaro, que resultou na apreensão de 59 adolescentes infratores.

Prende e solta

Em 2011, 7.750 mandados de prisão foram cumpridos. Este ano, já são 5.034. No entanto, cerca de 11 mil alvarás de soltura foram expedidos em 2012. Em 2011, foram aproximadamente cinco mil de soltura. 

"Hoje a polícia está atrás de 6.439 bandidos procurados por ações de natureza criminal. A maioria são reincidentes. Esse tipo de operação é uma forma de conter a insegurança da operação", falou a titular da  Delegacia de Capturas e Polícia Interestadual, Mailine Alvarenga.