29jul/120

Brasil vence Bielorrússia de virada e se classifica no futebol

Não foi uma atuação exuberante, longe disso, mas, com Neymar mais inspirado do que na estreia, a seleção brasileira derrotou a Bielorrússia por 3 a 1, de virada, na manhã deste domingo, garantindo a classificação às quartas de final do torneio de futebol masculino das Olimpíadas. Pato, Neymar e Oscar marcaram os gols brasileiros no Old Trafford, em Manchester, com Renan Bressan marcando para os bielorrussos. A vitória classificou o Brasil às quartas de final. No outro jogo do grupo, Egito e Nova Zelândia empataram em 1 a 1.
 
- Foi uma prova de fogo e nos comportamos bem. Soubemos trabalhar e manter a calma - disse Neymar, que comemorou seu gol homenageando o corredor jamaicano Usain Bolt.
 
 O Brasil encerra a primeira fase enfrentando a Nova Zelândia, quarta-feira, às 10h30 (horário de Brasília), em Newcastle. A Bielorrússia pega o Egito.
 
- O time deles é muito fechado, jogando com uma linha de cinco e outra de três. Tomamos um gol e complicou mais, mas depois a gente tomou conta da partida e merecemos a vitória. O time todo voltou melhor no segundo tempo. Tocamos muito a bola no primeiuro tempo, tinha que ter umas diagonais - disse Oscar.
 
Mano Menezes mexeu no time, barrando Leandro Damião e colocando Alexandre Pato. O Brasil começou melhor, pressionando, mas foi surpreendido aos sete minutos. Após cruzamento da direita, o brasileiro naturalizado bielorrusso Renan Bressan aproveitou uma desatenção da zaga e, sozinho, cabeceou no canto esquerdo do goleiro Neto, abrindo o placar.
 
A reação brasileira não demorou, e também veio usando a cabeça. Aos 14, Neymar cruzou da esquerda e Pato subiu mais que a marcação para testar com força para empatar em 1 a 1. A partir daí a seleção passou a mandar no jogo, mas abusou dos passes errados e dos cruzamentos sem direção, para ninguém, desperdiçando a bola muito rapidamente.
 
O Brasil voltou sem mudanças do intervalo, mas com o jogo um pouco mais vertical. Oscar deu boas arrancadas e exigibou boa defesa do goleiro Gutor, que também trabalhou em chutaço de Marcelo. Com a Bielorrússia totalmente recuada, Mano trocou um volante (Sandro) por um meia (Ganso). Pouco depois, aos 20, saiu o gol da virada. Neymar acertou uma cobrança de falta perfeita, no ângulo direito, sem chances para o goleiro bielorrusso.
 
Mesmo em desvantagem no placar, os bielorrussos não se abriram, continuando mais preocupados em marcar do que atacar. Mano ainda trocou Pato e Hulk por Lucas e Danilo nos minutos finais e, quando o placar parecia definido, Neymar fez linda jogada e deu passe de calcanhar para Oscar chutar bonito e fazer um golaço para fechar o placar e selar a classificação.Informações de O Globo