5maio/150

Contrato de quase meio bilhão sob suspeita

Clima de descontração marca a caminhada pela a reeleição

Técnicos do Tribunal de Contas do Distrito Federal coletaram amostras do asfalto na L4 Norte e na altura da 610, e encontraram problemas na execução da obra. No total, 14 blocos foram retirados do local. Apenas um deles tinha a espessura dentro do estabelecido no edital, 5cm. Os demais tinham tamanhos inferiores, a partir de 3,5cm.

A porosidade e a falta de nivelamento também mostraram que a qualidade estava abaixo do esperado, o que tem forte relação com problemas de escoamento de água da chuva na região.

Todos esses dados serão utilizados em uma auditoria sobre o Programa Asfalto Novo, realizado no governo de Agnelo Queiroz (PT), que levará em conta novas análises em outros pontos. Paralelamente, deputados distritais da base aliada do governador Rodrigo Rollemberg (PSB) já pensam na imediata instalação da CPI do Asfalto Novo. Segundo eles, ‘há muito o que ser investigado’.

Fonte: Donny Silva