3ago/120

GDF vai construir mais 31 creches

Uma das grandes demandas de moradores de diversas regiões do Distrito Federal, sobretudo as de menor poder aquisitivo, em breve será atendida. O Governo do Distrito Federal vai construir 31 creches nos próximos meses, por meio de convênio da Secretaria de Educação com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Ao todo são 111 terrenos em análise no FNDE, sendo que 31 já foram aprovados e a verba liberada à Secretaria para as obras por meio do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância).

Para dar celeridade ao processo, a secretaria de Educação solicitou que a Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap), órgão oficial de demarcação de terras públicas, faça a demarcação dos terrenos onde as instituições serão construídas o mais rapidamente possível. A reunião ocorreu na noite dessa quinta-feira (2), no gabinete da presidência, a pedido do deputado Chico Vigilante, líder do Bloco PT/PRB na Câmara Legislativa, na própria Terracap.

Na ocasião, o parlamentar fez algumas perguntas às técnicas da Secretaria sobre o levantamento de demanda para a construção das creches e sugeriu ao presidente da Terracap, Antônio Lins, que a Companhia destine terrenos, em localidades de baixa renda e em fase de regularização como Riacho Fundo II, Sobradinho II, Estrutural, Setor Habitacional Pôr do Sol e Condomínio Sol Nascente na Ceilândia, bem como Itapoã, Araponga e Mestre D’armas em Planaltina, à Secretaria para construção de mais creches.

“Por se tratar de terras públicas, a Terracap pode autorizar a destinação dos terrenos à Secretária de Educação para a construção de creches nessas áreas”, observou Chico Vigilante. A equipe da Secretaria fez coro à sugestão do parlamentar e disse que essa seria uma grande conquista para os moradores dessas localidades, onde a carência por esse tipo de espaço é grande, para que os pais possam deixar os filhos em ambiente confiável e confortável aos filhos pequenos, inteiramente de graça, e ir trabalhar com tranquilidade para prover a família.

O parlamentar sugeriu ainda que a Terracap estude a possibilidade de vender determinados lotes definidos e demarcados, porém ociosos, espalhados pelo DF, e repasse o recurso da venda à pasta da Educação para investir na construção de mais creches, melhorias e infraestrutura na educação pública. Informações estaçãodanoticia.