31ago/120

GDFconvoca mais servidores para reforçar transporte urbano

No DODF desta sexta-feira (31), DFTrans chama 116 analistas e 22 técnicos. Elesserão responsáveis, especialmente, por executar o Plano Diretor de Transporte Urbano doDistrito Federal e Entorno (PDTU)

Brasília,31 de agosto de 2012 – O governadordo Distrito Federal, Agnelo Queiroz, nomeou hoje 116 analistas(planejamento e operação, administrador, arquivista, direito e legislação, contadore economista) e 22 técnicos (agente administrativo e contabilidade) para aautarquia Transporte Urbano do DF (DFTrans). O reforço no quadro de pessoal temcomo objetivo, em especial, colocar em prática o Plano Diretor de TransporteUrbano do Distrito Federal e Entorno (PDTU). A convocação foi publicada na edição desta sexta-feira do Diário Oficial do DF (DODF).

O plano detalha ações e medidaspara melhorar o deslocamento da população nas áreas urbanas. Entre elas, aarticulação de vários tipos de meios de transporte, como os ônibus de menor emaior capacidade e o metrô, a implantação de eixos de transportes, a integraçãooperacional e tarifária, além da construção e reforma de terminais, estações epontos de partida.  “O sistema detransporte do DF é  uma das maiores lutasdesse governo para dar à população uma vida mais digna”, afirma o governadorAgnelo Queiroz.

Segundoo diretor-geral do DFTrans, Marco Antonio Campanella, os analistas convocados serão responsáveis por planejar ofuncionamento do sistema de transporte por meio de uma programação operacionale de análise de dados. “Em um momento de reestruturação do transporte coletivo,os novos servidores reforçarão as áreas de gestão, planejamento e fiscalizaçãodo órgão”, diz.

Marco – Concebido pelo GDF no ano passadoe aprovado por unanimidade pela Câmara Legislativa, também em 2011, o PDTU é ummarco no sistema de transporte do DF. Por 36 anos, a capital federal ficou semum plano que definisse as condições apropriadas para a circulação de pedestres,de motoristas e de ciclistas.

Além de encerrar o ciclo de descaso com osetor, o PDTU garantiu ao Distrito Federal estar entre os contemplados noPrograma de Aceleração do Crescimento (PAC) para a mobilidade urbana nasgrandes cidades, lançado em abril deste ano. A verba de R$ 2, 2 bilhões serádestinada à conclusão do sistema de transporte do EixoSul (que liga Gama e Santa Maria ao Plano Piloto, por meio do Expresso DF),Eixo Oeste (que liga a EPTG ao centro de Taguatinga; a Comercial Norte àAvenida Hélio Prates; e o SIA ao Terminal da Asa Sul e à Rodoviária do PlanoPiloto), além da expansão e modernização do metrô. Agência Brasilia.