15abr/160

MINISTROS DO STF RECHAÇAM DE GOLEADA MANOBRAS DE CARDOZO

STF DERROTOU POR 8 X 2 AS TESES DO ADVOGADO-GERAL DE DILMA

Ao final do julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF), em que foi derrotada em votação acachapante a sua manobra para impedir a votação do impeachment, o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, era a própria imagem do fracasso.

Sentado no pequeno auditório do STF, Cardozo assistiu a oito dos dez ministros presentes demolirem as suas alegações em mandado de segurança que pretendia suspender a sessão deste domingo.

Os ministros não levaram a sério a pretensão da AGU, com a exceção de Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio, que habitualmente votam favoravelmente às matérias de interesse do governo.

O decano do Supremo, ministro Celso de Mello, sempre muito bem fundamentado, mostrou que Cardozo errou na elaboração do mandado de segurança, afirmando que a eventual instauração de processo de impeachment no Senado “é uma questão estranha ao mandado de segurança analisado”.

fonte: Diáriodopoder