30jun/120

Mução foi vítima de engano: seu irmão é quem deveria ter sido preso pela PF

 Foto

HUMORISTA AMADO PELO NORDESTINOS, MUÇÃO (CENTRO)
FOI PRESO EM FORTALEZA E LEVADO AO RECIFE, ONDE O ENGANO FOI CONSTATADO 
 

 O humorista e radialista Rodrigo Vieira Emereciano, o Mução, foi preso por engano pela Polícia Federal, na Operação Dirty Net, que desmantelou uma quadrilha que divulgava imagens pornográficas infantis pela internet. Mução já foi libertado. O engano foi explicado pela PF, em coletiva, na noite desta sexta-feira. "Ele [Mução] se mostrou surpreso com a investigação e levantou a hipótese de que poderia ser uma pessoa muito próxima, que tem acesso à casa e às senhas.

 Intimamos o irmão, que se apresentou com o advogado. Ele é engenheiro da computação e tem conhecimento aprofundado de informática. Era responsável pelo parque tecnológico da empresa, instalava softwares, tinha pleno acesso aos computadores do irmão e de outras pessoas da empresa", disse o delegado Nilson Antunes.

De acordo com a PF, comprovaram-se acessos feitos de várias residências e do escritório de Mução. "Se ele tivesse uma sombra que trabalhasse com ele, morasse com ele e usasse os dados cadastrais dele, poderia ser inocentado. Infelizmente, parece ser o caso. É uma verdadeira tragédia familiar", conta a delegada Kilma Caminha. "O rapaz não sabe por que costuma fazer isso com o irmão, não soube explicar o motivo", completa.

 

fonte:blogdoclaudiohumberto