8abr/150

Nem quando estava na oposição

Divulgação

Divulgação

A distrital Liliane Roriz não engoliu o veto do governador Rodrigo Rollemberg a projeto seu que preserva a quadra 901 Norte. Parte por uma questão de conteúdo, mas também por um problema de forma.

No governo Agnelo, quando Liliane era ostensivamente de oposição, teve uma série de projetos vetados. Em todos os casos, o governador telefonava para comunicar o fato e, às vezes, explicar os motivos. Desta vez, Liliane soube do veto pelo Diário Oficial.

Fonte: Do Alto da Torre/Jornal de Brasilia