22abr/220

Pesquisas: Assessores de Bolsonaro já falam em vitória no primeiro turno

Otimismo vem de crescimento de Jair Bolsonaro nos últimos meses e a consequente diminuição de sua distância para Lula

A primeira dama Michelle Bolsonaro ajeita a gravata do presidente Jair Bolsonaro em cerimônia de comemoração do Dia da Mulher no Palácio do Planalto - MetrópolesHugo Barreto/Metrópoles

O crescimento de Jair Bolsonaro nos últimos meses e a consequente diminuição de sua distância para Lula já faz assessores de presidente projetarem uma vitória no primeiro turno.

A avaliação há alguns meses era que Bolsonaro chegasse ao primeiro turno empatado com Lula. Agora, acham que esse empate ocorrerá até julho.

No Planalto, a avaliação é que a rejeição a Bolsonaro diminuirá nas próximas semanas, como reflexo do fim da pandemia e alguma melhora, mesmo que tímida, na economia.

A propósito, a rejeição ao presidente é o principal indicador lembrado pelo PT para justificar por que não estariam preocupados com o crescimento de Bolsonaro.

Metrópoles