6jul/120

Polícia do DF prende quatro pessoas com 18 mil CDs e DVDs falsificados

Segundo delegado, casal que chefiava o esquema lucrava R$ 12 mil por mês. Grupo pagou fiança de R$ 20 mil e vai responder ao processo em liberdade.

 Do G1 DF
Mídias piratas apreendidas pela polícia junto com o grupo (Foto: Rezende/DCPIM/Divulgação)
(Foto: Rezende/DCPIM/Divulgação)

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu nesta sexta-feira (6) quatro pessoas suspeitas de produzir e distribuir mídias piratas para serem vendidas em três bancas da Feira dos Importados de Taguatinga. Junto com o grupo, foram apreendidos 18 mil CDs e DVDs falsificados, 77 gravadoras, 11 impressoras e um computador.

Segundo o titular da Delegacia de Combate aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial, Luiz Henrique Dourado, o casal que chefiava o esquema lucrava R$ 12 mil por mês. “Eles falaram para o outro casal: ‘a gente dá toda a estrutura, fornece o material e as máquinas para montar na casa de vocês, e vocês produzem 15 mil mídias por semana”, disse.

Também de acordo com o delegado, o grupo pagou fiança de R$ 20 mil e vai responder ao processo em liberdade. Se condenados, os quatro podem ficar entre dois e quatro anos presos por violação de direitos autorais.