19jan/160

Politica: Brazlândia poderá ter uma mulher no comando da cidade

10492422_565798933553567_6505617955380240851_n

A rejeição ao atual administrador de Brazlândia, André Queiroz, deverá escrever dois capítulos importantes na vida politica da pacata cidade do DF.

O primeiro deverá ser a saída de um administrador indicado por um parlamentar em menos de um ano á frente do comando da região. O segundo será a indicação de uma mulher para administrar Brazlândia e dar voz ativa as mulheres na politica administrativa da cidade pelos os próximos três anos.

O nome da servidora pública Rosângela Gomes, já vem sendo trabalhado nos bastidores e entre os mais otimistas existe aqueles que acreditam que a sinalização da possível efetivação da servidora mostra o compromisso real do distrital Juarezão com a cidade;" Ela é séria e filha da cidade. E o bom é que o deputado fará esforço redobrado para as coisas darem certo na cidade. Tendo em vista a ligação direta dele com ela", salientou.

Lembrando que o distrital estuda pelo menos mais dois nomes para substituir André Queiroz. A decisão final poderá ocorrer até o fim de fevereiro.

fonte: Redação