22set/120

Presidente da FAP-DF deixa cargo após suspensão de contrato

Ministério Público aponta indícios de irregularidade em contrato de R$ 8 mi. Ex-presidente diz que sua saída foi política e não há relação com denúncias.

Do G1 DF

Renato Rezende não é mais o presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF). A saída ocorre na mesma semana em que a Justiça suspendeu o contrato entre a instituição e a Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi) e menos de 15 dias após um motorista da fundação ser preso adulterando placas de um veículo oficial. No lugar de Rezende, assume Alexandre Gouveia.

Esta é a terceira mudança na presidência da FAP desde o início do governo Agnelo. Antes de Rezende, quem ocupou o cargo foi o professor Paulo Bretas. A fundação é subordinada à Secretaria de Ciência e Tecnologia, onde também houve mudanças na direção nesta semana. Glauco Rojas assumiu a pasta em lugar de Cristiano Araújo, que foi para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico...

Minha saída tem a ver com a mudança no grupo político que assumiu agora a Secretaria de Ciência e Tecnologia e já estava decidida há cerca de 15 dias"

Renato Rezende, ex-diretor-presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do DF

O ex-presidente da FAP-DF disse que sua saída não tem relação com as polêmicas envolvendo a fundação e que teve motivação política. "Não há relação com as denúncias. Minha saída tem a ver com a mudança no grupo político que assumiu agora a Secretaria de Ciência e Tecnologia e já estava decidida há cerca de 15 dias. Eu entendo a mudança. Isso ocorreu quando se deu a minha chegada também. Eu assumi um mês depois que o Cristiano (ex-secretário) chegou."Rezende disse também que essas trocas de comando prejudicam o próprio trabalho da FAP.

 "Mudanças atrapalham em qualquer lugar. Eu já sabia que iria sair. Só não sabia que seria tão rápido."O secretário de Ciências e Tecnologia do DF, Glauco Rojas, disse ao G1 que a saída de Rezende é um "gesto natural". "A FAP é o braço executivo da secretaria. É natural que eu traga minha equipe para trabalhar", disse.Segundo Rojas, Alexandre Gouveia foi escolhido para substituir o ex-diretor por ser especialista em gestão pública.