20set/120

Produtores culturais visitam o Estádio Nacional de Brasília

Os maiores organizadores da capital vão até o monumento e reconhecem toda a sua potencialidade

Agência Brasília, 20 de setembro – Produtores culturais responsáveis por organizar os maiores eventos da capital visitaram nesta quinta-feira as obras do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. O grupo foi recebido pelo secretário extraordinário da Copa 2014 de Brasília, Claudio Monteiro, que mostrou toda a potencialidade do monumento para receber os futuros eventos. A arena multiuso será capaz de comportar cerca de 72 mil pessoas, em eventos nacionais e internacionais, não se restringindo apenas a partidas de futebol.

Segundo Claudio Monteiro, a ideia é dar início a um processo de utilização futura do estádio, fazendo com que os produtores conheçam todos os equipamentos disponíveis para a sociedade. “A arena multiuso é um instrumento de desenvolvimento econômico. Não vai ser o governo que irá pautar a agenda do estádio, mas os produtores culturais. Eles que vão dar vida a esse espaço”,afirmou o secretário.

Para o subsecretário de Políticas e Promoções Culturais, Dorival Brandão, o processo de aproximação deles com o estádio também serve para esclarecer algumas dúvidas dos organizadores. “Queremos desmistificar algumas informações, mostrando que o estádio oferece a possibilidade de trabalho com diversos módulos”, informou o subsecretário de Políticas e Promoções Culturais...

Como produtor-executivo do Festival Porão do Rock, Gustavo de Sá acredita que a infraestrutura do Estádio Nacional será suficiente para cumprir com todas as demandas do mercado mundial. “Vamos poder organizar vários eventos que hoje têm que ser realizados na rua – como o Porão do Rock, feito no estacionamento do Ginásio Nilson Nelson. Toda essa infraestrutura reduz custos e facilita a produção”, comentou o produtor-executivo.

A expectativa da Secretaria de Cultura é que a maioria dos eventos realizados no estádio sejam de natureza cultural. “Ao fazerem a visita, os produtores saberão que a arena multiuso está sendo construída para consolidar a vocação de Brasília como uma cidade criativa e na rota das manifestações culturais, artísticas e esportivas”, assegurou o subsecretário Dorival Brandão.