28jun/120

Servidores do SLU promovem cultura e educação ambiental

Grupos de teatro do SLU levam mensagem de responsabilidade e cuidados com o meio ambiente

 O Serviço de Limpeza Urbana é engajado também com a cultura. Dentro do SLU existem dois grupos de teatro formados por servidores que desenvolvem trabalhos de educação ambiental para crianças, adolescentes e adultos.

 Um dos grupos, conhecido como Defensores do Planeta, foi criado em 2006, quando a Escola Classe de Santa Maria convidou o Núcleo de Orientação do SLU para fazer uma palestra sobre lixo e coleta seletiva. Assim surgiu o teatro de bonecos voltado para o público infantil, que conta com personagens como Dona Natureza, Dr. Reciclagem, Sujão, Joaninha e Mariazinha.

Nas apresentações, o grupo discute assuntos como os cuidados com meio ambiente, manejo do lixo, reciclagem e coleta seletiva. Por meio de músicas e brincadeiras, as crianças interagem com os personagens e aprendem sobre a preservação do meio ambiente, conscientização da importância do aproveitamento do lixo através da reciclagem, além da contribuição para formar uma sociedade participativa. De 2006 até hoje, a peça já foi assistida por mais de 70 mil pessoas de todas as idades.

 Já o Arte Seletiva orienta a população sobre a importância da conservação do meio ambiente. Eles misturam música, dança e comédia na hora de mostrar um tema fundamental para a humanidade: o manejo do lixo.

 O grupo nasceu em 2007 com um desafio lançado pela direção geral do SLU aos servidores do Núcleo de Orientação (Nuori). Seus integrantes fizeram oficinas para ator e confeccionaram cenários a partir de material reciclável. Baseado nas experiências profissionais e pessoais de cada um, o grupo criou um texto chamado “A Riqueza do Lixo”. A peça educativa orienta a população sobre os procedimentos do manejo do lixo de uma forma leve e engraçada.

Hoje o grupo é formado por dois integrantes, Adailton Germano e Sônia Vieira.  Desde sua fundação, o Arte Seletiva já se apresentou para um público de aproximadamente 40 mil pessoas.

 

fonte: Ascom Slu